A Incrível Vida de Ray Dalio

Raymond Thomas Dalio nasceu em 8 de agosto de 1949, em Nova York. Filho de um músico e de uma dona de casa, Dalio não chegou a ser um aluno notório. Ele dizia que não tinha boa memória e não gostava de estudar, e por isso, nunca foi de acumular notas altas.

 

Começou a trabalhar com 12 anos como carregador de equipamentos de golfe em um clube de Long Island. Foi ouvindo os jogadores comentando sobre o mercado de ações que decidiu, no mesmo ano, comprar suas primeiras ações. Dalio investiu todo o seu salário, na época US$ 300, em ações da Northeast Airlines que, alguns meses depois, foi comprada por outra companhia, o que fez com que o investimento de Ray Dalio triplicasse.

 

O capital triplicado animou Dalio e o incentivou a se aprofundar mais no mercado financeiro. Ray Dalio se graduou em finanças na Long Island University e concluiu um MBA na Harvard Business School.

 

Em sua carreira profissional, teve uma breve passagem como corretor na New York Stock Exchange (bolsa de valores de Nova York) e acabou fascinado por commodities, o que fez com que ele aceitasse o cargo de diretor de commodities na Dominick & Dominick LLC. Em 1974, se tornou trader na Shearson Hayden Stone, porém foi demitido após algumas polêmicas envolvendo o seu nome.

 

Em 1975, Ray Dalio iniciou a Bridgewater, um negócio de investimentos com sede dentro de seu próprio apartamento. Era uma butique de investimentos, onde ele orientava aos seus clientes a como gerenciar riscos. Como gostava de escrever, Dalio passou a redigir uma Newsletter, onde explicava sua visão sobre economia de maneira prática. O hábito acabou atraindo grandes clientes, como por exemplo o Mc Donalds.

 

Dalio passou a observar a economia como se fosse uma máquina, com ciclos que se repetiam durante transições econômicas e políticas. Assim, concluiu que se pudesse identificar como esses padrões funcionavam, ele poderia prever os movimentos de alta e baixa do mercado. Sua teoria funcionou bem: desde sua fundação, a Bridgewater teve apenas três retornos negativos.

 

Apesar da teoria de investimento que o deixou milionário, o nome de Ray Dalio serve de referência quando o assunto é fundos de hedge, sendo a Bridgewater a maior gestora desse tipo de fundo no mundo. Estima-se que, até meados de 2020, a gestora tenha gerado um retorno de US$ 58 bilhões para seus investidores.

Hoje, aos 71 anos, Ray Dalio faz parte do ranking dos 100 Homens Mais Ricos do Mundo, com uma fortuna estimada em US$ 16.9 bilhões.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *