Entendendo o Ciclo do Mercado

Quando falamos sobre ciclo de mercado, algumas pessoas podem achar que é algum hack de investimento ou uma estratégia infalível para enriquecer. Na verdade, não é nada disso. E, justamente para quebrar esse senso comum, a Newsletter de hoje vai trazer um conteúdo valioso para te ajudar a montar a sua estratégia.

A palavra ciclo, nos faz lembrar de algo regular e previsível. Assim como todas as teorias do mercado financeiro, ela nos faz sentir que estamos preparados para vencer o benchmark, mas talvez na prática não seja bem assim.

A importância da compreensão dos ciclos está muito bem resumida em uma frase do escritor estadunidense Mark Twain:

“A história não se repete, mas rima”

 

A citação se tornou um mantra para Howard Marks, autor do livro “Dominando o ciclo de mercado” (que por sinal, uma bibliografia indispensável para aprofundar sobre este tema.)

Resumidamente, os movimentos de mercado são influenciados por inúmeros fatores, e Howard exalta dois que como principais:

Fundamentos: descritos como os eventos econômicos e financeiros, desde a contabilização do PIB até a divulgação dos resultados das empresas.

Psicologia: é o comportamento dos investidores a respeito dos fundamentos, sejam eles racionais ou irracionais.

Pensando nessa combinação, conseguimos facilmente descrever algumas etapas que “rimam” com eventos passados, e podendo assim, e identificar em qual momento do ciclo estamos e prever será a próxima fase.

  • Os fundamentos começam a se mostrar positivos.
  • Esses resultados geram um otimismo nos investidores.
  • A onda positiva afoga o medo de tomar riscos.
  • Até perceberem que isso não durará para sempre.
  • A realidade se revela não ser como o esperado ou surgem imprevistos.
  • O medo volta a dominar o mercado.
  • As emoções se acalmam e surgem oportunidades.
  • E assim o ciclo continua.

Mesmo parecendo uma poesia simples e óbvia, a realidade não é tão nítida assim e os versos não são tão fáceis de compreender. Os vieses comportamentais nos deixam míopes ao entender o momento do ciclo que estamos, a regularidade de cada evento não se combina e principalmente, não sabemos exatamente quando irá começar ou terminar.

Porém, ao incorporarmos esse conhecimento na nossa estratégia, percebemos que não precisamos saber o momento certo dos eventos, mas o fato de entendermos a ciclicidade do mercado, servirá de alerta para mercados otimistas e lentes para enxergarmos oportunidades nos mercados pessimistas.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *